quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Isto sim é o Porto!

Dá para jogar sempre assim? É a pergunta que se impõe. Mas eu sei que infelizmente não dá... Há jogos que motivam mais e os da Champions estão no topo da pirâmide. Ontem os nossos jogadores jogaram "à Porto" como ainda não se tinha visto esta época. Quando assim é, vão para casa cansados e, por norma, com a missão cumprida. Mesmo que não tivéssemos ganho, estavam de parabéns pela entrega e intensidade que deram ao jogo!
Atitude, entrega, força, garra, personalidade, qualidade e história não se compram com dinheiro nenhum. O Porto tem tudo isso no seu ADN e ontem puxou dos galões e bateu justamente um "novo-rico" do futebol moderno. Acho curioso quando dizem que o PSG é uma equipa sem experiência nestas andanças... eu pergunto quantos jogos nas competições europeias têm o Alex Sandro, o Danilo, o Jackson e o Atsu por exemplo?
Entramos determinados e fomos literalmente para cima deles! Fernando voltou ao meio e foi o Polvo do costume e Danilo apareceu na direita. Na frente voltou o "velho" Varela! Foi uma exibição a roçar a perfeição e só não foi perfeita porque falhamos muito na finalização e porque cometemos um ou outro erro individual que permitiu ao PSG assustar-nos. De resto, tudo impecável! Mas a bola não entrava...
Demorou 82 minutos... mas entrou!! Que alívio, que explosão, que justiça! E já agora... que golo! Fabuloso remate que não está ao alcance de todos. James remata de primeira uma bola que vem da cabeça de Fernando.... sem a deixar pousar, remata em arco lá para dentro! O verdadeiro arco do triunfo! Também ele é Incrível (como o outro que já perdeu mais vezes no Zenit que em 3 anos no Porto). Naquele momento todos percebemos que a vitória não podia fugir... era nossa e mais do que merecida. 
Depois de ver o Alex Sandro há alguém que se lembre do Álvaro Pereira? 
E a bravura dos nossos centrais? Irrepreensíveis! 
E o Moutinho que mais uma vez encheu o campo? Que qualidade! 
E o Varela que voltou aos velhos tempos? É para durar?
E a entrada do Atsu cheio de vida? Vai ser grande este miúdo...
Quanto ao Jackson, continua bom de bola, mas falta-lhe o faro de golo. Ainda precisa de 4 oportunidades para marcar uma... e ontem só teve duas.
Contra o Rio Ave era só preciso ter tido metade desta entrega. É por sabermos que o Porto é capaz de jogos como este que somos tão exigentes e não gostamos de ver o que vimos em Vila do Conde... No entanto, se desligaram o motor, para terem força para nos brindar com um jogo como o de ontem... estão desculpados! Valeu!
Mas atenção! Domingo queremos esta atitude e assim eles vão tremer como varas.... verdes!
Força Porto!

1 comentário:

  1. caríssimas(os),

    num dia a todos os níveis frustrante, só mesmo o nosso FC Porto nos conseguiu dar uma alegria e encher-nos de orgulho!

    que a exibição de ontem tenha continuidade já no próximo encontro, é o que mais desejo!


    somos Porto!, car@go!
    «este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

    saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todas(os) vós! ;)
    Miguel | Tomo II

    ResponderEliminar